2 Artigos de uma relevância extraordinária: isto sim, é Transformação da Educação!



La formation initiale des enseignants du FLE au Ghana défis et perspectives à l’école nor
.
Download • 670KB


Para haver Transformação têm que haver escolas, infraestruturas, recursos, depois tem que haver quadros competentes e com o domínio dos saberes e esse domínio tem que ser também prático e rigoroso. A par disto, as reformas educativas, decisões e boas práticas, a legislação têm que ser reajustadas com responsabilidade, humildade e consciência.


No Gana, ou oficialmente República do Gana, nação situada no Golfo da Guiné, na África Ocidental, desconhecida para mim até o ano passado, mas que me impressionou de uma forma inquietante. Não foi difícil perceber, era inevitável!


O Gana, país africano, rapidamente percebeu que não quer ficar atrás nem muito menos pensar ficar alienado da realidade, acordou finalmente para um problema grave e estrutural, impossível de ignorar, revela-se definitivamente um país preocupado com a Formação de Formadores e Professores, educadores em geral; sabe bem o que isto pode impactar na Educação das Gerações Futuras, como isso pode e vai ajudar na produtividade nacional e além fronteiras, no crescimento da economia nacional e consequentemente nas suas relações internacionais, na Literacia e Identidade do seu povo.


O Gana sabe que faz parte do mundo e quer marcar a sua presença, tem ambição saudável e metas a atingir a curto, médio e longo prazo. Por isso está a crescer a olhos vistos e não é só à custa do ouro ou outros recursos naturais, mas acima de tudo pela EDUCAÇÃO!


O Gana quer abrir-se para o mundo e marcar pela diferença, pela positiva. Entrou na corrida do SABER e da COMPETÊNCIA.. O Gana quer ser COMPETENTE.


Não são apenas 100 000 formadores, educadores e professores (isso só numa 1ª fase, como podem ver no artigo aqui explícito na imagem em baixo) que o Gana este ano de 2022 anunciou finalmente como sendo obrigatória esta formação, pois se lerem o outro artigo/link no final deste post, e eles têm consciência disso, estamos a falar de mais de 4 milhões de educadores no geral em todo o continente africano, com perspetiva de aumentar, pois os países africanos têm uma população na sua maioria jovem, e até em muitos casos, abaixo dos 25 anos.


O Gana sabe que depende de parcerias públicas, mas sobretudo privadas para atingir esta meta tão essencial.


Ora eu não posso deixar de aplaudir e ser solidária com o Gana para esta inteligência e pertinência, esta VISÃO, porque isto é cair na realidade e perceber que é um problema profundo e urgente, que exige resolução e já devia ter começado ontem.


O Gana sabe das implicações positivas desta medida, fundamentou-se, estudou o terreno, solicitou indicadores, fez o trabalho de casa, informou-se e ficou curioso, ficou sedento de tentar fazer melhor, pois o Gana sabe que isto pode pôr em causa o futuro de um pais, de uma nação.


Eles não querem ficar na escuridão e no século passado e sabem que isto pode acontecer rápido, se é que já não está a acontecer.

Não sou eu que o digo, é simplesmente óbvio. Só não vê quem não quer.

Senão então leiam bem este artigo:

https://www.agenceecofin.com/formation/3105-98203-le-ghana-annonce-la-formation-de-100-000-enseignants-aux-competences-numeriques


Não há identidade sem competência(s). E sem competências não há Futuro.


O conhecimento cognitivo e académico é muito importante, mas não é de todo suficiente, nunca foi, nunca será, se não o conseguirmos pôr em prática e perceber a sua utilidade, para obtermos os melhores resultados.


Para perceberem do que eu falo, cliquem também neste segundo link, que aí sim, está tudo clarinho como água, clarinho como o meu nome, ou eu não me chamo Maria Clara Alves (artigo científico e muito bem fundamentado).


Que Educação queremos? Como teremos estudantes competentes e sábios, sem que os seus educadores estejam à altura? Que Nação queremos afinal?


Um Bravo ao Gana! Tiro-vos o chapéu e até breve, muito breve mesmo. Merecem todo o meu respeito! Uma vénia!


We'll be together soon. That's right!


Objetivos SMART. O GANA FACILITA, NÃO COMPLICA. O Gana tem coragem e define assim PRIORIDADES. Isto é COMPETÊNCIA!


Contra factos, não há argumentos:



La formation initiale des enseignants du FLE au Ghana défis et perspectives à l’école nor
.
Download • 670KB



Maria Clara Alves - @Academy Lookatmepro - Suíça.


0 visualização0 comentário